preloader

ETAPA DE ENCERRAMENTO (9ª) DA COPA SÃO PAULO DE CICLISMO ACONTECEU NESSE DOMINGO EM RIBEIRÃO PRETO-SP

  • Postado em 17/12/2019

Cidade-Sede da Copa São Paulo de Ciclismo e da única equipe pró-continental do Brasil, foi palco da última prova oficial do calendário 2019 da Federação Paulista de Ciclismo.

 

Foto Crédito: Adriano Ferreira - Arquivo CSPC/ FPC.

Equipe São Francisco Saúde/ SME/ Klabin/ Ribeirão Preto - Tetracampeã geral por equipes da Copa SP de Ciclismo

                  Nesse domingo 15/12 foi realizada na cidade de Ribeirão Preto, a última prova oficial do calendário 2019 da Federação Paulista de Ciclismo, a etapa de encerramento e 9a. etapa da Copa São Paulo de Ciclismo, um dos principais campeonatos de ciclismo por etapas do país, finalizando a sua 11a. temporada. Em um domingo de muito calor e tempo abafado, o que ajudou a testar o preparo físico dos ciclistas, a Av. Cavalheiro Paschoal Inecchi recebeu várias equipes e também ciclistas avulsos do Estado, federados ou não-federados para a disputa dessa última etapa, que aconteceu dessa vez em um circuito totalmente plano, com excelente estrutura montada pela GT Eventos Esportivos, organizadora da Copa e também dos patrocinadores locais, contando também com o apoio da Secretaria Municipal de Esportes e da Transerp de Ribeirão Preto.

                  Ao todo, foram disputadas 12 categorias, com as provas tendo um tempo de duração e quilometragem menor que nas demais etapas, por se tratar da etapa final e também devido às condições climáticas, o que tornou a prova bastante desgastante. Na categoria Elite Masculina, uma prova de 41 Km percorrida em 1h07m 36s vencida pelo ciclista da casa Alessandro Ferreira Guimarães, o "Indinho", da equipe São Francisco Saúde/ SME/ Klabin de Ribeirão Preto. Alessandro é ciclista da Seleção Brasileira que representou o nosso país em várias provas no exterior durante a temporada, como Tour de San Luís na Argentina, Jogos Panamericanos de Lima no Peru, entre outras. 

                   E por falar em ciclistas brasileiros de destaque, outro grande ciclista brazuca que esteve presente, participando do evento na entrega das premiações, conversando com os demais ciclistas, compartilhando suas experiências e etc. foi o também ribeirão-pretano Nicolas Sessler, o único ciclista profissional brasileiro que compete no circuito internacional, pela equipe BH-Burgos da Espanha, esbanjando atenção, carisma e simplicidade, sendo hoje uma referência para o ciclismo de estrada para os ciclistas do Brasil, e que elogiou bastante a realização do evento: "O ciclismo brasileiro acontece por causa de iniciativas como essa, campeonatos que propõem uma alternativa séria, seguidora de regras e oficial, e para todas as faixas etárias. Fico feliz que ainda existam pessoas dispostas a fazer acontecer, pois é de eventos como esses que saem os ciclistas que serão os espelhos amanhã, e os representantes do país", comenta Nicolas. Já Wéder Teixeira e Alessandro Giannini, diretores e organizadores da Copa, comentaram: "Nós que te agradecemos Nicolas, por tudo o que você tem feito, sozinho, pelo nosso sacrificado ciclismo lá fora. Conhecemos sua trajetória, parabéns, obrigado por ser uma grande referência de pessoa e ciclista!". O Campeão Geral Final da categoria Elite foi Luis Augusto Machioli, da equipe MK2/ Liv/ Fundesport, da cidade de Araraquara, ele que foi o 5o. colocado na etapa.

                  Já nas categorias de base, tivemos a vitória na categoria Infanto-Juvenil de Lucca Marques Ferreira, o "Batatinha", da cidade de Batatais mas que também representa a cidade de Ribeirão Preto, ele que foi o campeão da etapa e também campeão geral final do ranking da Copa São Paulo de Ciclismo em sua categoria. Já na Juvenil Masculina (15 e 16 anos), bicampeonato para Victor César de Paula, ciclista de Igarapava-SP que também compete pela equipe ribeirão-pretana, ele que foi o campeão da etapa e também campeão geral do ranking, em uma prova de 20,3 Km percorrida em 46m07s. Na categoria Sênior A (30 a 39 anos), uma prova de 1h03m40s e 35,7 Km percorridos, vencida por Robert Lima de Campos da equipe SEME/ Santa Bárbara D' Oeste-SP, e na Sênior B (40 a 49 anos), Carlos Henrique Takimoto da equipe SME/ Academia Estação Boa Forma de Serrana-SP foi o campeão da etapa. Os campeões gerais do ranking CSPC 2019 nessas categorias foram Paulo César Nunes Cerqueira, de Santa Bárbara D' Oeste na categoria Sênior A e André Luiz Pulini da equipe Team Band Up/ Pulini Cycles/ Serpeças, da cidade de Barra Bonita-SP, na Sênior B, que esteve ausente por estar participando do Campeonato Panamericano de Ciclismo Master, na cidade de Maringá-PR, o qual se sagrou campeão de estrada em sua categoria.

                   Na Feminino Adulto, a vitória ficou com Rafaela de Fátima Cardoso, da equipe Ass. Batataense de Ciclismo/ José Reginaldo Cardoso, de Batatais, em uma prova de 50m32s percorrida em 21 Km. A Campeã geral do ranking 2019 da CSPC foi Mariane Vergs, da equipe Ciclismo São Carlos/ Meta Ciclismo, da cidade de São Carlos-SP. Já entre os Masters, na categoria Master A (50 a 59 anos), o campeão da prova foi Ovirsion Edson dos Santos, da equipe SECEL/ Troppi Açaí/ NCA Congelados, da cidade de Monte-Alto-SP, em uma prova de 53m10s percorrida em 27,3 Km, ele que também foi o campeão geral do ranking 2019, e na Master B (60 anos acima), o campeão da prova foi Edmur Manoel Galão, da equipe Roanan Clube de Ciclismo, da cidade de Igaraçu do Tietê-SP. O campeão geral do ranking da categoria Master B, aliás tetracampeão foi João Batista Maglio, da equipe Odontologia Maglio, Implantes e Laserterapia, da cidade de Araraquara-SP.

                                                                      Foto Crédito: José Ramirez Neto - Arquivo CSPC/ FPC.

                                            

    Nicolas Sessler e o técnico da equipe de ciclismo de base de Ribeirão Preto, Fernando Bassanezi, com Alessandro Giannini

                    Foram entregues além da premiação da etapa, a bela premiação geral final, os troféus exclusivos e personalizados da Copa São Paulo de Ciclismo, aos três primeiros colocados de cada uma das 12 categorias oficiais, e também das 3 melhores equipes classificadas na temporada. A Equipe Campeã Geral da CSPC 2019 - e tetracampeã consecutiva - foi a equipe da casa, São Francisco Saúde/ SME/ Klabin, de Ribeirão Preto, seguida da SEME/ Santa Bárbara D’Oeste e da Roanan Clube de Ciclismo, de Igaraçu do Tietê (foto 1). A Copa São Paulo de Ciclismo 2019 passou pelas cidades de Bauru, Batatais, Brotas, Lençóis Paulista, Nova Europa, Aguaí, Araraquara, São Carlos e Ribeirão Preto, abrangendo uma grande região do interior paulista.

                    A etapa final (9a. Etapa) da Copa São Paulo de Ciclismo em Ribeirão Preto teve a realização da GT Eventos Esportivos e Federação Paulista de Ciclismo, com apoios da SME Ribeirão Preto e da Transerp, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. Os patrocínios foram da Mu Hu Bike Wear, Edleo Caça e Pesca, Cia. Brasileira de Cartuchos/ CBC e Taurus, e também da Sermed Saúde de Sertãozinho.

                    Para ver os demais resultados e os três primeiros colocados do ranking CSPC 2019 de cada categoria, confiram o boletim de resultados que segue anexo. E em breve o aguardado BGF - Boletim Geral Final 2019 da Copa, com todos os destaques, revelações, ciclistas mais combativos, os que somaram maior pontuação, vestiram por mais etapas a camisa de líder, etc, dentre tantas outras informações super bacanas e os números da CSPC 2019.

Fonte: Assessoria de Imprensa - CSPC/FPC.

CONFIRA RESULTADOS E BOLETIM FINAL - Clique aqui


Compartilhar: