O francês Arnaud Démare (Groupama-FDJ) venceu nesta quarta-feira (5 de agosto) a 101ª edição da Milão-Torino ao bater no sprint Caleb Ewan (Lotto Soudal) e Wout Van Art (Jumbo-Visma). O percurso desta edição, de 198 quilômetros, sem a subida final, privilegiou os velocistas.

Pódio da Milão-Torino 2020

Demare, que encerrou com o tempo de 4h18min57s, contou com o bom trabalho de sua equipe nos quilômetros finais e conquistou sua primeira vitória na temporada 2020. Uma queda dividiu o pelotão com 8 km para a meta, mas a Groupama-FDJ conseguiu se organizar para embalar Demare.

A conquista renova os ânimos do francês para a primeira clássica Monumento do ano, a Milão-San Remo, no próximo sábado. “É uma das minhas grandes ambições e a equipe está afinada. Fizemos um training camp de três semanas e os bons resultados da Volta a Burgos confirmaram que estamos bem. Não temos medo de ninguém”, disse. “Vencer hoje é importante e é um bom sinal para a Milão-San Remo.”

Caleb Ewan também sonha com a próxima prova. “Eu não gosto de ficar em segundo, mas estou feliz com a forma como as coisas correram na minha primeira corrida depois de cinco meses, especialmente antes de sábado. Eu estava onde queria estar. Minha equipe me colocou em uma boa posição”, declarou.

Van Aert, embalado pela vitória na Strade Bianche no sábado passado (reveja aqui), também terminou com os ânimos renovados. “Estou satisfeito com o resultado, especialmente numa disputa com fortes velocistas. Eu poderia ter feito um pouco melhor com um melhor posicionamento, mas faz parte do jogo. É muito bom fazer uma corrida como a de hoje no meio da semana. Foi super rápido, sem muito vento, então foi uma preparação muito boa para o sábado. Minha confiança está alta para a Milão-San Remo.”

O eslovaco Peter Sagan (Bora-Hansgrohe), um dos favoritos, saiu cedo demais para o sprint, a 250 metros da chegada, foi ultrapassado e terminou na 4ª colocação. Os sprintistas Nacer Bouhanni (Arkea-Samsic) e Fernando Gaviria (UAE Emirates), mal posicionados, terminaram em 6º e 7º, respectivamente, atrás de Danny Van Poppel (Circus-Wanty Gobert).

TOP 10

1 Arnaud Demare (Fra) Groupama-FDJ 4:18:57
2 Caleb Ewan (Aus) Lotto Soudal m.t.
3 Wout van Aert (Bel) Team Jumbo-Visma m.t.
4 Peter Sagan (Svk) Bora-Hansgrohe m.t.
5 Danny Van Poppel (Ned) Circus-Wanty Gobert m.t.
6 Nacer Bouhanni (Fra) Team Arkea-Samsic m.t.
7 Fernando Gaviria (Col) UAE Team Emirates m.t.
8 Manuel Belletti (Ita) Androni Giocattoli-Sidermec m.t.
9 Dion Smith (NZl) Mitchelton-Scott m.t.
10 Ben Swift (GBr) Team Ineos m.t.

Fonte: Bike Magazine

Sobre o autor

Avatar

Imprensa FPC

Deixe um comentário